• ALIX

América Latina é uma das principais criadoras de ameaças financeiras

Atualizado: Mai 25

Segundo dados do novo relatório da Kaspersky, mais de um terço dos ataques direcionados (targeted attacks) que visam instituições financeiras foram criados na América Latina (37%).

Apenas no ano passado, no Brasil, foram encontrados pelo menos cinco novos golpes, sendo exportado para outras partes do mundo.


Quase duas a cada cinco (39%) tentativas de ataque direcionado com motivação financeira estão localizados na América Latina.


Os criminosos brasileiros passaram a usar uma técnica chamada “malware as a service”, onde hackers vendem os seus códigos para outros criminosos, que executam o ataque. Essa tática é usada para exportar esses golpes para o exterior.


As instituições financeiras do Brasil são as mais avançadas no mundo em cibersegurança – um reflexo do próprio cibercrime local, que é um dos mais especializados em crimes financeiros. Nesse sentido, muitas vezes os bancos do exterior não estão preparados para enfrentar os ataques criados aqui.



Outras tendências do cybercrime financeiro são o uso cada vez mais comum de bitcoins, devido à fragilidade das moedas locais. Além disso, o roubo de bitcoin também tem aumento previsto.


Em meio a tantas ameaças e vulnerabilidades, é necessário proteger sua empresa de possíveis golpes. Crie movimentos dentro da empresa que certifiquem a segurança das suas informações. Desde treinamento de cibersegurança para os funcionários, até a instalação de softwares de proteção, esse é um assunto sério.


Precisa de ajuda para monitorar a TI da sua empresa, e quer os melhores softwares de proteção batalhando contra as ameaças ao seu lado? A ALIX cuida dos seus dados e garante a segurança da sua rede. Venha conhecer nossas soluções!


Conheça as soluções de GESTÃO DE SEGURANÇA da ALIX e mantenha sua empresa protegida

1 visualização0 comentário